Receitas mais recentes

Quem (mexi) pode fazer melhor?

Quem (mexi) pode fazer melhor?

A competição rege acima de tudo. Você pode ver competições óbvias em empresas de roupas, bancos, lojas de móveis e, sim, até mesmo em churrasqueiras mexicanas. Existem duas churrasqueiras mexicanas perto do campus da Penn State. Um sendo o sempre popular Chipotle e o outro, Qdoba, a apenas alguns quarteirões de Chipotle e menos conhecido pelos alunos que encontrei durante meu tempo aqui.

Burritos são itens quentes hoje em dia (figurativa e literalmente, se a pessoa que está preparando seu burrito fez sua parte corretamente). No entanto, às vezes um burrito quente é simplesmente impossível. Acho que isso é verdade na Chipotle, onde na maior parte do tempo que é aberto ao público há filas que circulam por toda a loja e parecem nunca diminuir. Se você estiver no final da fila, normalmente levará 15 minutos para chegar ao balcão e, mesmo depois de fazer o burrito, ainda pode levar cinco minutos para pagar por ele.

Mas, isso não significa que seja um lugar terrível. É muito alto, cheio de música e vozes de pelo menos 100 alunos. Isso, e a visão de uma estação de fabricação de burrito à frente, permitem que você se distraia, de modo que o tempo que você espera não importa mais (às vezes). Ainda assim, há reclamações sobre o tempo que acho que podem ser facilmente resolvidas.

No tempo que leva para ficar na fila em Chipotle, você poderia ter caminhado até Qdoba (de Pollock Commons) e já estar sentado, mordendo seu burrito. Qdoba geralmente tem um total de 0f 6 pessoas lá, com 20 sendo o máximo que eu já vi em uma sessão.

Os alimentos, embora semelhantes em estilo, são um pouco diferentes no sabor. Chipotle é muito mais saboroso, mas isso não significa que seja melhor. A Chipotle costuma anunciar o uso de ingredientes naturais, mas esses sabores naturais costumam ser mascarados por especiarias e outros sabores que acabarão com você chorando por causa do burrito. Qdoba também usa ingredientes frescos, mas usa menos deles para mascarar seus sabores em um estilo que descreve como "San Francisco" (outro motivo para visitar a Califórnia). Pessoalmente, Qdoba tem um gosto melhor para mim. Eu sei que os dois burritos têm bem mais de 1.000 calorias (o que equivale a cerca de duas refeições), mas Qdoba não me deixa com lágrimas nos olhos e com dores de estômago como Chipotle.

Para a maioria dos alunos, o Chipotle é a melhor opção quando você está com fome e precisa de comida por perto. Mas, se você quiser economizar tempo e lágrimas induzidas pelo calor, Qdoba é o caminho a percorrer. Você receberá o mesmo tipo de comida pela mesma quantidade de dinheiro, mas você o receberá em tempo hábil e ficará mais feliz porque quando as coisas têm um gosto melhor você esquece quantas calorias contêm!

Chipotle:

Localização: 116 Heister St., State College, PA 16801
Horarios de funcionamento:
Seg-Dom 11h-22h

Qdoba:

Localização: 208 W College Ave., State College, PA 16801
Horarios de funcionamento:
Dom - Sáb 11h - 20h

A postagem Who (Mexi) Can Do It Better? apareceu originalmente na Spoon University. Visite a Spoon University para ver mais postagens como esta.


Receitas de Purslane: 45 coisas para fazer com Purslane fresco

Você já cozinhou com beldroega, ou Portulaca oleracea como é conhecida pelos botânicos? É uma planta suculenta cujas folhas comestíveis e deliciosas são crocante e ligeiramente mucilaginoso, com um forte cítrico e apimentado sabor.

É geralmente colhido do início de junho até o final do verão, e pode ser forrageado ou comprado, geralmente de um mercado de fazendeiros ou por meio de um compartilhamento CSA. A variedade selvagem, que na verdade é considerada um erva daninha por muitos jardineiros, é exuberante e tem hastes rosadas (veja a foto acima), enquanto as variedades cultivadas tendem a crescer verticalmente e apresentar hastes esverdeadas.

A beldroega é consumida desde os tempos antigos e, por crescer facilmente em climas quentes e não muito secos, é representada em muitas cozinhas do mundo, da Grécia ao México e da Turquia à Índia por meio da África do Sul. (Aqui está uma lista útil de seus apelidos em diferentes idiomas.)

É um pouco de potência nutricional, oferecendo quantidades notáveis ​​de minerais (principalmente cálcio, ferro, magnésio e potássio), ácidos graxos ômega-3, vitaminas (A, B, C) e antioxidantes. Acredita-se que seja um componente importante da dieta de alta expectativa de vida de Creta, e Michael Pollan a chamou de uma das duas plantas mais nutritivas do planeta em seu manifesto Em Defesa dos Alimentos (o outro é o cordeiro & # 8217s quartos se você deseja caçar isso também).

Embora os caules sejam comestíveis quando ainda jovens (e podem ser em conserva), os cozinheiros geralmente mantêm apenas o folhas e fino, caules finos no topo, que são simplesmente arrancados da haste central. O processo é lento, mas recompensador no final. Como a beldroega cresce muito perto da terra, e principalmente se for forrageada *, deve-se enxaguar muito bem, em vários banhos de água doce (costumo fazer três), com um pouco de vinagre.

E depois de ter sua tigela cheia de pequenas folhas completamente limpas e vibrantes, o que você faz com elas? A beldroega é principalmente comida crua, mas também pode ser cozida para uma mudança de ritmo. Eu & # 8217 reuni 45 receitas de beldroegas para você & # 8212 e espero que adicione seus próprios favoritos na seção de comentários!

* Algumas pessoas relatam que o descobrem crescendo em rachaduras nas calçadas ou em parques da cidade, mas eu não recomendaria forragear a partir daí.

Melhores combinações para receitas de Purslane

& # 8211 Purslane + pepino
& # 8211 Purslane + tomate
& # 8211 Purslane + abacate
& # 8211 Purslane + nozes (especialmente amêndoas e nozes)
& # 8211 Purslane + alho
& # 8211 Purslane + limão
& # 8211 Purslane + vinagre
& # 8211 Purslane + manjerona
& # 8211 Purslane + pimenta
& # 8211 Purslane + ovos
& # 8211 Purslane + creme
& # 8211 Purslane + queijo fresco (especialmente feta)
& # 8211 Purslane + queijo duro (especialmente parmesão)
& # 8211 Purslane + peixe
& # 8211 Purslane + crustáceos
& # 8211 Purslane + pato
& # 8211 Purslane + cordeiro
& # 8211 Beldroega + legumes (especialmente feijão preto, lentilha e grão de bico)
& # 8211 Purslane + frutas de caroço (especialmente pêssegos, nectarinas e ameixas)

Purslane em saladas

& # 8211 Salada de beldroegas com óleo de gergelim, vinagre de arroz, gomasio e tiras de nori
& # 8211 Purslane e salada de batata com alcaparras ou anchovas
& # 8211 Salada de beldroegas com pedaços de pêssegos e queijo de cabra fresco, ou com molho de pêssego
& # 8211 Salada Fattouche com torradas de pão sírio
& # 8211 Salada de beldroegas com um curativo branco (ou seja, um vinagrete clássico com creme ou leitelho no lugar de óleo)
& # 8211 Salada de beldroegas com cevada preta e melancia
& # 8211 Salada de beldroegas com cubos pimentões vermelhos, suco de limão e azeite de oliva (a vitamina C nos pimentões e no suco de limão ajuda na absorção de ferro)
& # 8211 Salada de beldroegas com milho grelhado e molho cremoso de abacate
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, bacon crocante e cebola roxa finamente cortada
& # 8211 Salada de beldroegas com quinua, ervilhas e rabanetes
& # 8211 Salada de beldroegas com tomates em cubos e pepinos em um melaço de romã curativo
& # 8211 Salada de beldroegas com fregola sarda ou cuscuz israelense
& # 8211 Salada de beldroegas com grão de bico e um curativo zaatar
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, sumagre e & # 8220grated & # 8221 tomate

Beldroegas com carne

& # 8211 Sirva como salada com magret de pato
Ensopado com porco em molho de tomatillo, estilo mexicano (puerco con verdolagas)
& # 8211 Ensopado com cordeiro e lentilhas

Purslane com peixe

& # 8211 Use beldroegas em um estofamento para peixe assado
& # 8211 Processe beldroegas com um pouco de creme ou iogurte e faça um molho verde para regar sobre o peixe
& # 8211 Sirva como acompanhamento de salada com selvagem salmão, lagosta ou caranguejo

Sopas de Purslane

Beldroegas cozidas

& # 8211 Uma salada cozida ao estilo marroquino
& # 8211 Purslane spanakopita
& # 8211 Borek Purslane
Refogar brevemente (2-5 min) em azeite
Vapor brevemente (2-5 min) e tempere com azeite e suco de limão
& # 8211 Make tempura com os topos macios
& # 8211 Adicionar a dal

Purslane em bebidas

& # 8211 Make smoothies verdes (beldroegas os deixará mais cremosos) com mirtilos, kiwis, pêssegos ou frutas tropicais (é normal congelar beldroegas para usar em smoothies)
& # 8211 Faça uma raspadinha de pepino e beldroega
& # 8211 Make chá com as folhas, ele ajuda a aliviar as dores de cabeça, baixar a febre, acalmar dores de garganta e combater a inflamação.

Outros usos de beldroegas

& # 8211 Beldroegas em conserva
& # 8211 Vinagre de beldroegas
& # 8211 Purslane pesto
& # 8211 Purslane tzatziki (use beldroegas em vez de, ou além do pepino)
& # 8211 Adicionar a ovos mexidos e omeletes
& # 8211 Faça panquecas verdes (receita do meu livro!)
& # 8211 Jogue com massa como neste macarrão com tetrágono
& # 8211 Polvilhe pizza um pouco antes de servir
& # 8211 Use como guarnição para Gaspacho, sopa de abobrinha gelada ou sopa de aspargos
& # 8211 Adicionar a sanduíches para crunch seria ótimo em um rolo de lagosta ou um ABLT.
& # 8211 Adicionar a salsa e salsa verde
& # 8211 E se você se cansar disso, alimenta-o para suas galinhas! Seus ovos serão mais ricos em ácidos graxos ômega-3.


Receitas de Purslane: 45 coisas para fazer com Purslane fresco

Você já cozinhou com beldroega, ou Portulaca oleracea como é conhecida pelos botânicos? É uma planta suculenta cujas folhas comestíveis e deliciosas são crocante e ligeiramente mucilaginoso, com um forte cítrico e apimentado sabor.

É geralmente colhido do início de junho até o final do verão, e pode ser forrageado ou comprado, geralmente de um mercado de fazendeiros ou por meio de um compartilhamento CSA. A variedade selvagem, que na verdade é considerada um erva daninha por muitos jardineiros, é exuberante e tem hastes rosadas (veja a foto acima), enquanto as variedades cultivadas tendem a crescer verticalmente e apresentam hastes esverdeadas.

A beldroega é consumida desde os tempos antigos e, por crescer facilmente em climas quentes e não muito secos, é representada em muitas cozinhas do mundo, da Grécia ao México e da Turquia à Índia por meio da África do Sul. (Aqui está uma lista útil de seus apelidos em diferentes idiomas.)

É um pouco de potência nutricional, oferecendo quantidades notáveis ​​de minerais (principalmente cálcio, ferro, magnésio e potássio), ácidos graxos ômega-3, vitaminas (A, B, C) e antioxidantes. Acredita-se que seja um componente importante da dieta de alta expectativa de vida de Creta, e Michael Pollan a chamou de uma das duas plantas mais nutritivas do planeta em seu manifesto Em Defesa dos Alimentos (o outro é o cordeiro & # 8217s quartos se você deseja caçar isso também).

Embora os caules sejam comestíveis quando ainda jovens (e podem ser em conserva), os cozinheiros geralmente mantêm apenas o folhas e fino, caules finos no topo, que são simplesmente arrancados da haste central. O processo é lento, mas compensador no final. Como a beldroega cresce muito perto da terra, e principalmente se for forrageada *, deve-se enxaguar muito bem, em vários banhos de água doce (costumo fazer três), com um pouco de vinagre.

E depois de ter sua tigela cheia de pequenas folhas completamente limpas e vibrantes, o que você faz com elas? A beldroega é principalmente comida crua, mas também pode ser cozida para uma mudança de ritmo. Eu & # 8217 reuni 45 receitas de beldroegas para você & # 8212 e espero que adicione seus próprios favoritos na seção de comentários!

* Algumas pessoas relatam que o descobrem crescendo em rachaduras nas calçadas ou em parques da cidade, mas eu não recomendaria forragear a partir daí.

Melhores combinações para receitas de Purslane

& # 8211 Purslane + pepino
& # 8211 Purslane + tomate
& # 8211 Purslane + abacate
& # 8211 Purslane + nozes (especialmente amêndoas e nozes)
& # 8211 Purslane + alho
& # 8211 Purslane + limão
& # 8211 Purslane + vinagre
& # 8211 Purslane + manjerona
& # 8211 Purslane + pimenta
& # 8211 Purslane + ovos
& # 8211 Purslane + creme
& # 8211 Purslane + queijo fresco (especialmente feta)
& # 8211 Purslane + queijo duro (especialmente parmesão)
& # 8211 Purslane + peixe
& # 8211 Purslane + crustáceos
& # 8211 Purslane + pato
& # 8211 Purslane + cordeiro
& # 8211 Beldroega + legumes (especialmente feijão preto, lentilha e grão de bico)
& # 8211 Purslane + frutas de caroço (especialmente pêssegos, nectarinas e ameixas)

Purslane em saladas

& # 8211 Salada de beldroegas com óleo de gergelim, vinagre de arroz, gomasio e tiras de nori
& # 8211 Purslane e salada de batata com alcaparras ou anchovas
& # 8211 Salada de beldroegas com pedaços de pêssegos e queijo de cabra fresco, ou com molho de pêssego
& # 8211 Salada Fattouche com torradas de pão sírio
& # 8211 Salada de beldroegas com um curativo branco (ou seja, um vinagrete clássico com creme ou leitelho no lugar de óleo)
& # 8211 Salada de beldroegas com cevada preta e melancia
& # 8211 Salada de beldroegas com cubos pimentões vermelhos, suco de limão e azeite de oliva (a vitamina C nos pimentões e no suco de limão ajuda na absorção de ferro)
& # 8211 Salada de beldroegas com milho grelhado e molho cremoso de abacate
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, bacon crocante e cebola roxa finamente cortada
& # 8211 Salada de beldroegas com quinua, ervilhas e rabanetes
& # 8211 Salada de beldroegas com tomates em cubos e pepinos em um melaço de romã curativo
& # 8211 Salada de beldroegas com fregola sarda ou cuscuz israelense
& # 8211 Salada de beldroegas com grão de bico e um curativo zaatar
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, sumagre e tomates & # 8220 gratinados & # 8221

Beldroegas com carne

& # 8211 Sirva como salada com magret de pato
Ensopado com porco em molho de tomatillo, estilo mexicano (puerco con verdolagas)
& # 8211 Ensopado com cordeiro e lentilhas

Purslane com peixe

& # 8211 Use beldroegas em um estofamento para peixe assado
& # 8211 Processe beldroegas com um pouco de creme ou iogurte e faça um molho verde para regar sobre o peixe
& # 8211 Sirva como acompanhamento de salada com legumes silvestres salmão, lagosta ou caranguejo

Sopas de Purslane

Beldroegas cozidas

& # 8211 Uma salada cozida ao estilo marroquino
& # 8211 Purslane spanakopita
& # 8211 Purslane Borek
Refogar brevemente (2-5 min) em azeite
Vapor brevemente (2-5 min) e tempere com azeite e suco de limão
& # 8211 Make tempura com os topos macios
& # 8211 Adicionar a dal

Purslane em bebidas

& # 8211 Make smoothies verdes (beldroegas os deixará mais cremosos) com mirtilos, kiwis, pêssegos ou frutas tropicais (não há problema em congelar beldroegas para usar em vitaminas)
& # 8211 Faça uma raspadinha de pepino e beldroegas
& # 8211 Make chá com as folhas, ele ajuda a aliviar as dores de cabeça, baixar a febre, acalmar dores de garganta e combater a inflamação.

Outros usos de beldroegas

& # 8211 Beldroegas em conserva
& # 8211 Vinagre de beldroegas
& # 8211 Purslane pesto
& # 8211 Purslane tzatziki (use beldroegas em vez de, ou além do pepino)
& # 8211 Adicionar a ovos mexidos e omeletes
& # 8211 Faça panquecas verdes (receita do meu livro!)
& # 8211 Jogue com massa como neste macarrão com tetrágono
& # 8211 Polvilhe pizza um pouco antes de servir
& # 8211 Use como guarnição para Gaspacho, sopa de abobrinha gelada ou sopa de aspargos
& # 8211 Adicionar a sanduíches para crunch seria ótimo em um rolo de lagosta ou um ABLT.
& # 8211 Adicionar a salsa e salsa verde
& # 8211 E se você se cansar disso, alimenta-o para suas galinhas! Seus ovos serão mais ricos em ácidos graxos ômega-3.


Receitas de Purslane: 45 coisas para fazer com Purslane fresco

Você já cozinhou com beldroega, ou Portulaca oleracea como é conhecida pelos botânicos? É uma planta suculenta cujas folhas comestíveis e deliciosas são crocante e ligeiramente mucilaginoso, com um forte cítrico e apimentado sabor.

É geralmente colhido do início de junho até o final do verão, e pode ser forrageado ou comprado, geralmente de um mercado de fazendeiros ou por meio de um compartilhamento CSA. A variedade selvagem, que na verdade é considerada um erva daninha por muitos jardineiros, é exuberante e tem hastes rosadas (veja a foto acima), enquanto as variedades cultivadas tendem a crescer verticalmente e apresentar hastes esverdeadas.

A beldroega é consumida desde os tempos antigos e, por crescer facilmente em climas quentes e não muito secos, é representada em muitas cozinhas do mundo, da Grécia ao México e da Turquia à Índia por meio da África do Sul. (Aqui está uma lista útil de seus apelidos em diferentes idiomas.)

É um pouco de potência nutricional, oferecendo quantidades notáveis ​​de minerais (principalmente cálcio, ferro, magnésio e potássio), ácidos graxos ômega-3, vitaminas (A, B, C) e antioxidantes. Acredita-se que seja um componente importante da dieta de alta expectativa de vida de Creta, e Michael Pollan a chamou de uma das duas plantas mais nutritivas do planeta em seu manifesto Em Defesa dos Alimentos (o outro é o cordeiro & # 8217s quartos se você quer caçar isso também).

Embora os caules sejam comestíveis quando ainda jovens (e podem ser em conserva), os cozinheiros geralmente mantêm apenas o folhas e fino, caules finos no topo, que são simplesmente arrancados da haste central. O processo é lento, mas recompensador no final. Como a beldroega cresce muito perto da terra, e principalmente se for forrageada *, deve-se enxaguar muito bem, em vários banhos de água doce (costumo fazer três), com um pouco de vinagre.

E depois de ter sua tigela cheia de pequenas folhas completamente limpas e vibrantes, o que você faz com elas? A beldroega é principalmente comida crua, mas também pode ser cozida para uma mudança de ritmo. Eu & # 8217 reuni 45 receitas de beldroegas para você & # 8212 e espero que adicione seus próprios favoritos na seção de comentários!

* Algumas pessoas relatam que o descobrem crescendo em rachaduras nas calçadas ou em parques da cidade, mas eu não recomendaria forragear a partir daí.

Melhores combinações para receitas de Purslane

& # 8211 Purslane + pepino
& # 8211 Purslane + tomate
& # 8211 Purslane + abacate
& # 8211 Purslane + nozes (especialmente amêndoas e nozes)
& # 8211 Purslane + alho
& # 8211 Purslane + limão
& # 8211 Purslane + vinagre
& # 8211 Purslane + manjerona
& # 8211 Purslane + pimenta
& # 8211 Purslane + ovos
& # 8211 Purslane + creme
& # 8211 Purslane + queijo fresco (especialmente feta)
& # 8211 Purslane + queijo duro (especialmente parmesão)
& # 8211 Purslane + peixe
& # 8211 Purslane + crustáceos
& # 8211 Purslane + pato
& # 8211 Purslane + cordeiro
& # 8211 Beldroega + legumes (especialmente feijão preto, lentilha e grão de bico)
& # 8211 Purslane + frutas de caroço (especialmente pêssegos, nectarinas e ameixas)

Purslane em saladas

& # 8211 Salada de beldroegas com óleo de gergelim, vinagre de arroz, gomasio e tiras de nori
& # 8211 Purslane e salada de batata com alcaparras ou anchovas
& # 8211 Salada de beldroegas com pedaços de pêssegos e queijo de cabra fresco, ou com molho de pêssego
& # 8211 Salada Fattouche com torradas de pão sírio
& # 8211 Salada de beldroegas com um curativo branco (ou seja, um vinagrete clássico com creme ou leitelho no lugar de óleo)
& # 8211 Salada de beldroegas com cevada preta e melancia
& # 8211 Salada de beldroegas com cubos pimentões vermelhos, suco de limão e azeite de oliva (a vitamina C nos pimentões e no suco de limão ajuda na absorção de ferro)
& # 8211 Salada de beldroegas com milho grelhado e molho cremoso de abacate
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, bacon crocante e cebola roxa finamente cortada
& # 8211 Salada de beldroegas com quinua, ervilhas e rabanetes
& # 8211 Salada de beldroegas com tomates em cubos e pepinos em um melaço de romã curativo
& # 8211 Salada de beldroegas com fregola sarda ou cuscuz israelense
& # 8211 Salada de beldroegas com grão de bico e um curativo zaatar
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, sumagre e tomates & # 8220 gratinados & # 8221

Beldroegas com carne

& # 8211 Sirva como salada com magret de pato
Ensopado com porco em molho de tomatillo, estilo mexicano (puerco con verdolagas)
& # 8211 Ensopado com cordeiro e lentilhas

Purslane com peixe

& # 8211 Use beldroegas em um estofamento para peixe assado
& # 8211 Processe beldroegas com um pouco de creme ou iogurte e faça um molho verde para regar sobre o peixe
& # 8211 Sirva como acompanhamento de salada com legumes silvestres salmão, lagosta ou caranguejo

Sopas de Purslane

Beldroegas cozidas

& # 8211 Uma salada cozida ao estilo marroquino
& # 8211 Purslane spanakopita
& # 8211 Borek Purslane
Refogar brevemente (2-5 min) em azeite
Vapor brevemente (2-5 min) e tempere com azeite e suco de limão
& # 8211 Make tempura com os topos macios
& # 8211 Adicionar a dal

Purslane em bebidas

& # 8211 Make smoothies verdes (beldroegas os deixará mais cremosos) com mirtilos, kiwis, pêssegos ou frutas tropicais (é normal congelar beldroegas para usar em smoothies)
& # 8211 Faça uma raspadinha de pepino e beldroega
& # 8211 Make chá com as folhas, ele ajuda a aliviar as dores de cabeça, baixar a febre, acalmar dores de garganta e combater a inflamação.

Outros usos de beldroegas

& # 8211 Beldroegas em conserva
& # 8211 vinagre de beldroegas
& # 8211 Purslane pesto
& # 8211 Purslane tzatziki (use beldroegas em vez de, ou além do pepino)
& # 8211 Adicionar a ovos mexidos e omeletes
& # 8211 Faça panquecas verdes (receita do meu livro!)
& # 8211 Jogue com massa como neste macarrão com tetrágono
& # 8211 Polvilhe pizza um pouco antes de servir
& # 8211 Use como guarnição para Gaspacho, sopa de abobrinha gelada ou sopa de aspargos
& # 8211 Adicionar a sanduíches para crunch seria ótimo em um rolo de lagosta ou um ABLT.
& # 8211 Adicionar a salsa e salsa verde
& # 8211 E se você se cansar disso, alimenta-o para suas galinhas! Seus ovos serão mais ricos em ácidos graxos ômega-3.


Receitas de Purslane: 45 coisas para fazer com Purslane fresco

Você já cozinhou com beldroega, ou Portulaca oleracea como é conhecida pelos botânicos? É uma planta suculenta cujas folhas comestíveis e deliciosas são crocante e ligeiramente mucilaginoso, com um forte cítrico e apimentado sabor.

É geralmente colhido do início de junho até o final do verão, e pode ser forrageado ou comprado, geralmente de um mercado de fazendeiros ou por meio de um compartilhamento CSA. A variedade selvagem, que na verdade é considerada um erva daninha por muitos jardineiros, é exuberante e tem hastes rosadas (veja a foto acima), enquanto as variedades cultivadas tendem a crescer verticalmente e apresentar hastes esverdeadas.

A beldroega é consumida desde os tempos antigos e, por crescer facilmente em climas quentes e não muito secos, é representada em muitas cozinhas do mundo, da Grécia ao México e da Turquia à Índia por meio da África do Sul. (Aqui está uma lista útil de seus apelidos em diferentes idiomas.)

É um pouco de potência nutricional, oferecendo quantidades notáveis ​​de minerais (principalmente cálcio, ferro, magnésio e potássio), ácidos graxos ômega-3, vitaminas (A, B, C) e antioxidantes. Acredita-se que seja um componente importante da dieta de alta expectativa de vida de Creta, e Michael Pollan a chamou de uma das duas plantas mais nutritivas do planeta em seu manifesto Em Defesa dos Alimentos (o outro é o cordeiro & # 8217s quartos se você quer caçar isso também).

Embora os caules sejam comestíveis quando ainda jovens (e podem ser em conserva), os cozinheiros geralmente mantêm apenas o folhas e fino, caules finos no topo, que são simplesmente arrancados da haste central. O processo é lento, mas compensador no final. Como a beldroega cresce muito perto da terra, e principalmente se for forrageada *, deve-se enxaguar muito bem, em vários banhos de água doce (costumo fazer três), com um pouco de vinagre.

E depois de ter sua tigela cheia de pequenas folhas completamente limpas e vibrantes, o que você faz com elas? A beldroega é principalmente comida crua, mas também pode ser cozida para uma mudança de ritmo. Eu & # 8217 reuni 45 receitas de beldroegas para você & # 8212 e espero que adicione seus próprios favoritos na seção de comentários!

* Algumas pessoas relatam que o descobrem crescendo em rachaduras nas calçadas ou em parques da cidade, mas eu não recomendaria forragear a partir daí.

Melhores combinações para receitas de Purslane

& # 8211 Purslane + pepino
& # 8211 Purslane + tomate
& # 8211 Purslane + abacate
& # 8211 Purslane + nozes (especialmente amêndoas e nozes)
& # 8211 Purslane + alho
& # 8211 Purslane + limão
& # 8211 Purslane + vinagre
& # 8211 Purslane + manjerona
& # 8211 Purslane + pimenta
& # 8211 Purslane + ovos
& # 8211 Purslane + creme
& # 8211 Purslane + queijo fresco (especialmente feta)
& # 8211 Purslane + queijo duro (especialmente parmesão)
& # 8211 Purslane + peixe
& # 8211 Purslane + crustáceos
& # 8211 Purslane + pato
& # 8211 Purslane + cordeiro
& # 8211 Beldroega + legumes (especialmente feijão preto, lentilha e grão de bico)
& # 8211 Purslane + frutas de caroço (especialmente pêssegos, nectarinas e ameixas)

Purslane em saladas

& # 8211 Salada de beldroegas com óleo de gergelim, vinagre de arroz, gomasio e tiras de nori
& # 8211 Purslane e salada de batata com alcaparras ou anchovas
& # 8211 Salada de beldroegas com pedaços de pêssegos e queijo de cabra fresco, ou com molho de pêssego
& # 8211 Salada Fattouche com torradas de pão sírio
& # 8211 Salada de beldroegas com um curativo branco (ou seja, um vinagrete clássico com creme ou leitelho no lugar de óleo)
& # 8211 Salada de beldroegas com cevada preta e melancia
& # 8211 Salada de beldroegas com cubos pimentões vermelhos, suco de limão e azeite de oliva (a vitamina C nos pimentões e no suco de limão ajuda na absorção de ferro)
& # 8211 Salada de beldroegas com milho grelhado e molho cremoso de abacate
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, bacon crocante e cebola roxa finamente cortada
& # 8211 Salada de beldroegas com quinua, ervilhas e rabanetes
& # 8211 Salada de beldroegas com tomates em cubos e pepinos em um melaço de romã curativo
& # 8211 Salada de beldroegas com fregola sarda ou cuscuz israelense
& # 8211 Salada de beldroegas com grão de bico e um curativo zaatar
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, sumagre e tomates & # 8220 gratinados & # 8221

Beldroegas com carne

& # 8211 Sirva como salada com magret de pato
Ensopado com porco em molho de tomatillo, estilo mexicano (puerco con verdolagas)
& # 8211 Ensopado com cordeiro e lentilhas

Purslane com peixe

& # 8211 Use beldroegas em um estofamento para peixe assado
& # 8211 Processe beldroegas com um pouco de creme ou iogurte e faça um molho verde regar sobre o peixe
& # 8211 Sirva como acompanhamento de salada com legumes silvestres salmão, lagosta ou caranguejo

Sopas de Purslane

Beldroegas cozidas

& # 8211 Uma salada cozida ao estilo marroquino
& # 8211 Purslane spanakopita
& # 8211 Purslane Borek
Refogar brevemente (2-5 min) em azeite
Vapor brevemente (2-5 min) e tempere com azeite e suco de limão
& # 8211 Make tempura com os topos macios
& # 8211 Adicionar a dal

Purslane em bebidas

& # 8211 Make smoothies verdes (beldroegas os deixará mais cremosos) com mirtilos, kiwis, pêssegos ou frutas tropicais (é normal congelar beldroegas para usar em smoothies)
& # 8211 Faça uma raspadinha de pepino e beldroegas
& # 8211 Make chá com as folhas, ele ajuda a aliviar as dores de cabeça, baixar a febre, acalmar dores de garganta e combater a inflamação.

Outros usos de beldroegas

& # 8211 Beldroegas em conserva
& # 8211 vinagre de beldroegas
& # 8211 Purslane pesto
& # 8211 Purslane tzatziki (use beldroegas em vez de, ou além do pepino)
& # 8211 Adicionar a ovos mexidos e omeletes
& # 8211 Faça panquecas verdes (receita do meu livro!)
& # 8211 Jogue com massa como neste macarrão com tetrágono
& # 8211 Polvilhe pizza um pouco antes de servir
& # 8211 Use como guarnição para Gaspacho, sopa de abobrinha gelada ou sopa de aspargos
& # 8211 Adicionar a sanduíches para crunch seria ótimo em um rolo de lagosta ou um ABLT.
& # 8211 Adicionar a salsa e salsa verde
& # 8211 E se você se cansar disso, alimenta-o para suas galinhas! Seus ovos serão mais ricos em ácidos graxos ômega-3.


Receitas de Purslane: 45 coisas para fazer com Purslane fresco

Você já cozinhou com beldroega, ou Portulaca oleracea como é conhecida pelos botânicos? É uma planta suculenta cujas folhas comestíveis e deliciosas são crocante e ligeiramente mucilaginoso, com um forte cítrico e apimentado sabor.

É geralmente colhido do início de junho até o final do verão, e pode ser forrageado ou comprado, geralmente de um mercado de fazendeiros ou por meio de um compartilhamento CSA. A variedade selvagem, que na verdade é considerada um erva daninha por muitos jardineiros, é exuberante e tem hastes rosadas (veja a foto acima), enquanto as variedades cultivadas tendem a crescer verticalmente e apresentar hastes esverdeadas.

A beldroega é consumida desde os tempos antigos e, por crescer facilmente em climas quentes e não muito secos, é representada em muitas cozinhas do mundo, da Grécia ao México e da Turquia à Índia por meio da África do Sul. (Aqui está uma lista útil de seus apelidos em diferentes idiomas.)

É um pouco de potência nutricional, oferecendo quantidades notáveis ​​de minerais (principalmente cálcio, ferro, magnésio e potássio), ácidos graxos ômega-3, vitaminas (A, B, C) e antioxidantes. Acredita-se que seja um componente importante da dieta de alta expectativa de vida de Creta, e Michael Pollan a chamou de uma das duas plantas mais nutritivas do planeta em seu manifesto Em Defesa dos Alimentos (o outro é o cordeiro & # 8217s quartos se você deseja caçar isso também).

Embora os caules sejam comestíveis quando ainda jovens (e podem ser em conserva), os cozinheiros geralmente mantêm apenas o folhas e fino, caules finos no topo, que são simplesmente arrancados da haste central. O processo é lento, mas compensador no final. Como a beldroega cresce muito perto da terra, e principalmente se for forrageada *, deve-se enxaguar muito bem, em vários banhos de água doce (costumo fazer três), com um pouco de vinagre.

E depois de ter sua tigela cheia de pequenas folhas completamente limpas e vibrantes, o que você faz com elas? A beldroega é principalmente comida crua, mas também pode ser cozida para uma mudança de ritmo. Eu & # 8217 reuni 45 receitas de beldroegas para você & # 8212 e espero que adicione seus próprios favoritos na seção de comentários!

* Algumas pessoas relatam que o descobrem crescendo em rachaduras nas calçadas ou em parques da cidade, mas eu não recomendaria forragear a partir daí.

Melhores combinações para receitas de Purslane

& # 8211 Purslane + pepino
& # 8211 Purslane + tomate
& # 8211 Purslane + abacate
& # 8211 Purslane + nozes (especialmente amêndoas e nozes)
& # 8211 Purslane + alho
& # 8211 Purslane + limão
& # 8211 Purslane + vinagre
& # 8211 Purslane + manjerona
& # 8211 Purslane + pimenta
& # 8211 Purslane + ovos
& # 8211 Purslane + creme
& # 8211 Purslane + queijo fresco (especialmente feta)
& # 8211 Purslane + queijo duro (especialmente parmesão)
& # 8211 Purslane + peixe
& # 8211 Purslane + crustáceos
& # 8211 Purslane + pato
& # 8211 Purslane + cordeiro
& # 8211 Beldroega + legumes (especialmente feijão preto, lentilha e grão de bico)
& # 8211 Purslane + frutas de caroço (especialmente pêssegos, nectarinas e ameixas)

Purslane em saladas

& # 8211 Salada de beldroegas com óleo de gergelim, vinagre de arroz, gomasio e tiras de nori
& # 8211 Purslane e salada de batata com alcaparras ou anchovas
& # 8211 Salada de beldroegas com pedaços de pêssegos e queijo de cabra fresco, ou com molho de pêssego
& # 8211 Salada Fattouche com torradas de pão sírio
& # 8211 Salada de beldroegas com um curativo branco (ou seja, um vinagrete clássico com creme ou leitelho no lugar de óleo)
& # 8211 Salada de beldroegas com cevada preta e melancia
& # 8211 Salada de beldroegas com cubos pimentões vermelhos, suco de limão e azeite de oliva (a vitamina C nos pimentões e no suco de limão ajuda na absorção de ferro)
& # 8211 Salada de beldroegas com milho grelhado e molho cremoso de abacate
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, bacon crocante e cebola roxa finamente cortada
& # 8211 Salada de beldroegas com quinua, ervilhas e rabanetes
& # 8211 Salada de beldroegas com tomates em cubos e pepinos em um melaço de romã curativo
& # 8211 Salada de beldroegas com fregola sarda ou cuscuz israelense
& # 8211 Salada de beldroegas com grão de bico e um curativo zaatar
& # 8211 Salada de beldroegas com nozes, sumagre e tomates & # 8220 gratinados & # 8221

Beldroegas com carne

& # 8211 Sirva como salada com magret de pato
Ensopado com porco em molho de tomatillo, estilo mexicano (puerco con verdolagas)
& # 8211 Ensopado com cordeiro e lentilhas

Purslane com peixe

& # 8211 Use beldroegas em um estofamento para peixe assado
& # 8211 Processe beldroegas com um pouco de creme ou iogurte e faça um molho verde para regar sobre o peixe
& # 8211 Sirva como acompanhamento de salada com legumes silvestres salmão, lagosta ou caranguejo

Sopas de Purslane

Beldroegas cozidas

& # 8211 Uma salada cozida ao estilo marroquino
& # 8211 Purslane spanakopita
& # 8211 Borek Purslane
Refogar brevemente (2-5 min) em azeite
Vapor brevemente (2-5 min) e tempere com azeite e suco de limão
& # 8211 Make tempura com os topos macios
& # 8211 Adicionar a dal

Purslane em bebidas

& # 8211 Make smoothies verdes (beldroegas os deixará mais cremosos) com mirtilos, kiwis, pêssegos ou frutas tropicais (é normal congelar beldroegas para usar em smoothies)
& # 8211 Faça uma raspadinha de pepino e beldroegas
& # 8211 Make chá com as folhas, ele ajuda a aliviar as dores de cabeça, baixar a febre, acalmar dores de garganta e combater a inflamação.

Outros usos de beldroegas

& # 8211 Beldroegas em conserva
& # 8211 Vinagre de beldroegas
& # 8211 Purslane pesto
& # 8211 Purslane tzatziki (use beldroegas em vez de, ou além do pepino)
& # 8211 Adicionar a ovos mexidos e omeletes
& # 8211 Faça panquecas verdes (receita do meu livro!)
& # 8211 Jogue com massa como neste macarrão com tetrágono
& # 8211 Polvilhe pizza um pouco antes de servir
& # 8211 Use como guarnição para Gaspacho, sopa de abobrinha gelada ou sopa de aspargos
& # 8211 Adicionar a sanduíches para crunch seria ótimo em um rolo de lagosta ou um ABLT.
& # 8211 Adicionar a salsa e salsa verde
& # 8211 E se você se cansar disso, alimenta-o para suas galinhas! Seus ovos serão mais ricos em ácidos graxos ômega-3.


Receitas de Purslane: 45 coisas a fazer com Purslane fresco

Você já cozinhou com beldroega, ou Portulaca oleracea como é conhecida pelos botânicos? É uma planta suculenta cujas folhas comestíveis e deliciosas são crocante e ligeiramente mucilaginoso, com um forte cítrico e apimentado sabor.

It is generally harvested from early June till the end of summer, and can either be foraged or purchased, usually from a mercado de fazendeiros or through a CSA share. The wild variety, which is actually considered a erva daninha by many gardeners, is rampant and has pinkish stems (see picture above), while cultivated varieties tend to grow vertically and display greenish stems.

Purslane has been consumed since ancient times, and because it grows easily in hot and not too dry climates, it is represented in many cuisines of the world, from Greece to Mexico, and from Turkey to India by way of South Africa. (Here’s a handy list of its aliases in different languages.)

It is a bit of a nutritional powerhouse, offering remarkable amounts of minerals (most notably calcium, iron, magnesium, and potassium), omega-3 fatty acids, vitamins (A, B, C), and antioxydants. It is thought to be an important component of the Cretan high-life-expectancy diet, and Michael Pollan has called it one of the two most nutritious plants on the planet in his In Defense of Food manifesto (the other is lamb’s quarters if you want to hunt for that too).

Although the stems are edible when still young (and can be pickled), cooks usually keep only the folhas and thin, spindly stems at the top, which are simply plucked from the central stem. The process is slow-going, but rewarding in the end. Because purslane grows so close to the earth, and especially if it is foraged*, it should be rinsed very well, in several baths of fresh water (I usually do three), with a bit of vinegar.

And once you have your bowlful of squeaky clean and vibrant little leaves, what do you do with them? Purslane is mostly eaten raw, but can also be cooked for a change of pace. I’ve gathered 45 purslane recipes for you — and hope you’ll add your own favorites in the comments section!

* Some people report that they find it growing from sidewalk cracks or in city parks, but I wouldn’t recommend foraging it from there.

Best Pairings for Purslane Recipes

– Purslane + cucumber
– Purslane + tomato
– Purslane + avocado
– Purslane + nuts (esp. almonds and walnuts)
– Purslane + garlic
– Purslane + lemon
– Purslane + vinegar
– Purslane + marjoram
– Purslane + chili pepper
– Purslane + eggs
– Purslane + cream
– Purslane + fresh cheese (esp. feta)
– Purslane + hard cheese (esp. parmesan)
– Purslane + fish
– Purslane + shellfish
– Purslane + duck
– Purslane + lamb
– Purslane + legumes (esp. black beans, lentils, and chickpeas)
– Purslane + stone fruits (esp. peaches, nectarines, and plums)

Purslane in salads

– Purslane salad with óleo de gergelim, rice vinegar, gomasio, and strips of nori
– Purslane and salada de batata with capers or anchovies
– Purslane salad with chunks of pêssegos and fresh goat cheese, or with a peach dressing
– Fattouche salad with toasted chips of pita bread
– Purslane salad with a white dressing (i.e. a classic vinaigrette with cream or buttermilk in place of oil)
– Purslane salad with black barley and watermelon
– Purslane salad with diced red bell peppers, lemon juice, and olive oil (the vitamin C in the bell peppers and lemon juice helps with the iron absorbency)
– Purslane salad with grilled corn and a creamy avocado dressing
– Purslane salad with walnuts, crispy bacon, and finely diced red onion
– Purslane salad with quinoa, peas, and radishes
– Purslane salad with diced tomatoes and cucumbers in a pomegranate molasses curativo
– Purslane salad with fregola sarda or Israeli couscous
– Purslane salad with grão de bico and a zaatar dressing
– Purslane salad with walnuts, sumac, and “grated” tomatoes

Purslane with meat

– Serve as a side salad with duck magret
Stew with pork in a tomatillo sauce, Mexican-style (puerco con verdolagas)
– Stew with lamb and lentils

Purslane with fish

– Use purslane in a stuffing for baked fish
– Process purslane with a little cream or yogurt and make a green sauce to drizzle over fish
– Serve as a side salad with wild salmão, lobster, or crab

Purslane soups

Cooked purslane

– A Moroccan-style cooked salad
– Purslane spanakopita
– Purslane borek
Refogar briefly (2-5 min) in olive oil
Vapor briefly (2-5 min) and dress with olive oil and lemon juice
– Make tempura with the tender tops
– Add to dal

Purslane in beverages

– Make smoothies verdes (purslane will make them creamier) with blueberries, kiwis, peaches, or tropical fruit (it’s okay to freeze purslane for use in smoothies)
– Make a cucumber and purslane slushie
– Make chá with the leaves it is said to help ease headaches, bring down a fever, soothe sore throats, and combat inflammation.

Other purslane uses

– Pickled purslane
– Purslane vinegar
– Purslane pesto
– Purslane tzatziki (use purslane instead of, or in addition to the cucumber)
– Add to ovos mexidos and omelets
– Make green pancakes (recipe from my book!)
– Toss with pasta as in this pasta with tetragon
– Sprinkle over pizza just before serving
– Use as a garnish for Gaspacho, chilled zucchini soup, or asparagus soup
– Add to sandwiches for crunch it would be great in a lobster roll or an ABLT.
– Add to salsa and salsa verde
– And if you ever tire of it, feed it to your chickens! Their eggs will be richer in omega-3 fatty acids.


Purslane Recipes: 45 Things To Do With Fresh Purslane

Have you ever cooked with purslane, or Portulaca oleracea as it is known to botanists? It is a succulent plant whose edible, delicious leaves are crunchy and slightly mucilaginous, with a tangy lemony and peppery sabor.

It is generally harvested from early June till the end of summer, and can either be foraged or purchased, usually from a mercado de fazendeiros or through a CSA share. The wild variety, which is actually considered a erva daninha by many gardeners, is rampant and has pinkish stems (see picture above), while cultivated varieties tend to grow vertically and display greenish stems.

Purslane has been consumed since ancient times, and because it grows easily in hot and not too dry climates, it is represented in many cuisines of the world, from Greece to Mexico, and from Turkey to India by way of South Africa. (Here’s a handy list of its aliases in different languages.)

It is a bit of a nutritional powerhouse, offering remarkable amounts of minerals (most notably calcium, iron, magnesium, and potassium), omega-3 fatty acids, vitamins (A, B, C), and antioxydants. It is thought to be an important component of the Cretan high-life-expectancy diet, and Michael Pollan has called it one of the two most nutritious plants on the planet in his In Defense of Food manifesto (the other is lamb’s quarters if you want to hunt for that too).

Although the stems are edible when still young (and can be pickled), cooks usually keep only the folhas and thin, spindly stems at the top, which are simply plucked from the central stem. The process is slow-going, but rewarding in the end. Because purslane grows so close to the earth, and especially if it is foraged*, it should be rinsed very well, in several baths of fresh water (I usually do three), with a bit of vinegar.

And once you have your bowlful of squeaky clean and vibrant little leaves, what do you do with them? Purslane is mostly eaten raw, but can also be cooked for a change of pace. I’ve gathered 45 purslane recipes for you — and hope you’ll add your own favorites in the comments section!

* Some people report that they find it growing from sidewalk cracks or in city parks, but I wouldn’t recommend foraging it from there.

Best Pairings for Purslane Recipes

– Purslane + cucumber
– Purslane + tomato
– Purslane + avocado
– Purslane + nuts (esp. almonds and walnuts)
– Purslane + garlic
– Purslane + lemon
– Purslane + vinegar
– Purslane + marjoram
– Purslane + chili pepper
– Purslane + eggs
– Purslane + cream
– Purslane + fresh cheese (esp. feta)
– Purslane + hard cheese (esp. parmesan)
– Purslane + fish
– Purslane + shellfish
– Purslane + duck
– Purslane + lamb
– Purslane + legumes (esp. black beans, lentils, and chickpeas)
– Purslane + stone fruits (esp. peaches, nectarines, and plums)

Purslane in salads

– Purslane salad with óleo de gergelim, rice vinegar, gomasio, and strips of nori
– Purslane and salada de batata with capers or anchovies
– Purslane salad with chunks of pêssegos and fresh goat cheese, or with a peach dressing
– Fattouche salad with toasted chips of pita bread
– Purslane salad with a white dressing (i.e. a classic vinaigrette with cream or buttermilk in place of oil)
– Purslane salad with black barley and watermelon
– Purslane salad with diced red bell peppers, lemon juice, and olive oil (the vitamin C in the bell peppers and lemon juice helps with the iron absorbency)
– Purslane salad with grilled corn and a creamy avocado dressing
– Purslane salad with walnuts, crispy bacon, and finely diced red onion
– Purslane salad with quinoa, peas, and radishes
– Purslane salad with diced tomatoes and cucumbers in a pomegranate molasses curativo
– Purslane salad with fregola sarda or Israeli couscous
– Purslane salad with grão de bico and a zaatar dressing
– Purslane salad with walnuts, sumac, and “grated” tomatoes

Purslane with meat

– Serve as a side salad with duck magret
Stew with pork in a tomatillo sauce, Mexican-style (puerco con verdolagas)
– Stew with lamb and lentils

Purslane with fish

– Use purslane in a stuffing for baked fish
– Process purslane with a little cream or yogurt and make a green sauce to drizzle over fish
– Serve as a side salad with wild salmão, lobster, or crab

Purslane soups

Cooked purslane

– A Moroccan-style cooked salad
– Purslane spanakopita
– Purslane borek
Refogar briefly (2-5 min) in olive oil
Vapor briefly (2-5 min) and dress with olive oil and lemon juice
– Make tempura with the tender tops
– Add to dal

Purslane in beverages

– Make smoothies verdes (purslane will make them creamier) with blueberries, kiwis, peaches, or tropical fruit (it’s okay to freeze purslane for use in smoothies)
– Make a cucumber and purslane slushie
– Make chá with the leaves it is said to help ease headaches, bring down a fever, soothe sore throats, and combat inflammation.

Other purslane uses

– Pickled purslane
– Purslane vinegar
– Purslane pesto
– Purslane tzatziki (use purslane instead of, or in addition to the cucumber)
– Add to ovos mexidos and omelets
– Make green pancakes (recipe from my book!)
– Toss with pasta as in this pasta with tetragon
– Sprinkle over pizza just before serving
– Use as a garnish for Gaspacho, chilled zucchini soup, or asparagus soup
– Add to sandwiches for crunch it would be great in a lobster roll or an ABLT.
– Add to salsa and salsa verde
– And if you ever tire of it, feed it to your chickens! Their eggs will be richer in omega-3 fatty acids.


Purslane Recipes: 45 Things To Do With Fresh Purslane

Have you ever cooked with purslane, or Portulaca oleracea as it is known to botanists? It is a succulent plant whose edible, delicious leaves are crunchy and slightly mucilaginous, with a tangy lemony and peppery sabor.

It is generally harvested from early June till the end of summer, and can either be foraged or purchased, usually from a mercado de fazendeiros or through a CSA share. The wild variety, which is actually considered a erva daninha by many gardeners, is rampant and has pinkish stems (see picture above), while cultivated varieties tend to grow vertically and display greenish stems.

Purslane has been consumed since ancient times, and because it grows easily in hot and not too dry climates, it is represented in many cuisines of the world, from Greece to Mexico, and from Turkey to India by way of South Africa. (Here’s a handy list of its aliases in different languages.)

It is a bit of a nutritional powerhouse, offering remarkable amounts of minerals (most notably calcium, iron, magnesium, and potassium), omega-3 fatty acids, vitamins (A, B, C), and antioxydants. It is thought to be an important component of the Cretan high-life-expectancy diet, and Michael Pollan has called it one of the two most nutritious plants on the planet in his In Defense of Food manifesto (the other is lamb’s quarters if you want to hunt for that too).

Although the stems are edible when still young (and can be pickled), cooks usually keep only the folhas and thin, spindly stems at the top, which are simply plucked from the central stem. The process is slow-going, but rewarding in the end. Because purslane grows so close to the earth, and especially if it is foraged*, it should be rinsed very well, in several baths of fresh water (I usually do three), with a bit of vinegar.

And once you have your bowlful of squeaky clean and vibrant little leaves, what do you do with them? Purslane is mostly eaten raw, but can also be cooked for a change of pace. I’ve gathered 45 purslane recipes for you — and hope you’ll add your own favorites in the comments section!

* Some people report that they find it growing from sidewalk cracks or in city parks, but I wouldn’t recommend foraging it from there.

Best Pairings for Purslane Recipes

– Purslane + cucumber
– Purslane + tomato
– Purslane + avocado
– Purslane + nuts (esp. almonds and walnuts)
– Purslane + garlic
– Purslane + lemon
– Purslane + vinegar
– Purslane + marjoram
– Purslane + chili pepper
– Purslane + eggs
– Purslane + cream
– Purslane + fresh cheese (esp. feta)
– Purslane + hard cheese (esp. parmesan)
– Purslane + fish
– Purslane + shellfish
– Purslane + duck
– Purslane + lamb
– Purslane + legumes (esp. black beans, lentils, and chickpeas)
– Purslane + stone fruits (esp. peaches, nectarines, and plums)

Purslane in salads

– Purslane salad with óleo de gergelim, rice vinegar, gomasio, and strips of nori
– Purslane and salada de batata with capers or anchovies
– Purslane salad with chunks of pêssegos and fresh goat cheese, or with a peach dressing
– Fattouche salad with toasted chips of pita bread
– Purslane salad with a white dressing (i.e. a classic vinaigrette with cream or buttermilk in place of oil)
– Purslane salad with black barley and watermelon
– Purslane salad with diced red bell peppers, lemon juice, and olive oil (the vitamin C in the bell peppers and lemon juice helps with the iron absorbency)
– Purslane salad with grilled corn and a creamy avocado dressing
– Purslane salad with walnuts, crispy bacon, and finely diced red onion
– Purslane salad with quinoa, peas, and radishes
– Purslane salad with diced tomatoes and cucumbers in a pomegranate molasses curativo
– Purslane salad with fregola sarda or Israeli couscous
– Purslane salad with grão de bico and a zaatar dressing
– Purslane salad with walnuts, sumac, and “grated” tomatoes

Purslane with meat

– Serve as a side salad with duck magret
Stew with pork in a tomatillo sauce, Mexican-style (puerco con verdolagas)
– Stew with lamb and lentils

Purslane with fish

– Use purslane in a stuffing for baked fish
– Process purslane with a little cream or yogurt and make a green sauce to drizzle over fish
– Serve as a side salad with wild salmão, lobster, or crab

Purslane soups

Cooked purslane

– A Moroccan-style cooked salad
– Purslane spanakopita
– Purslane borek
Refogar briefly (2-5 min) in olive oil
Vapor briefly (2-5 min) and dress with olive oil and lemon juice
– Make tempura with the tender tops
– Add to dal

Purslane in beverages

– Make smoothies verdes (purslane will make them creamier) with blueberries, kiwis, peaches, or tropical fruit (it’s okay to freeze purslane for use in smoothies)
– Make a cucumber and purslane slushie
– Make chá with the leaves it is said to help ease headaches, bring down a fever, soothe sore throats, and combat inflammation.

Other purslane uses

– Pickled purslane
– Purslane vinegar
– Purslane pesto
– Purslane tzatziki (use purslane instead of, or in addition to the cucumber)
– Add to ovos mexidos and omelets
– Make green pancakes (recipe from my book!)
– Toss with pasta as in this pasta with tetragon
– Sprinkle over pizza just before serving
– Use as a garnish for Gaspacho, chilled zucchini soup, or asparagus soup
– Add to sandwiches for crunch it would be great in a lobster roll or an ABLT.
– Add to salsa and salsa verde
– And if you ever tire of it, feed it to your chickens! Their eggs will be richer in omega-3 fatty acids.


Purslane Recipes: 45 Things To Do With Fresh Purslane

Have you ever cooked with purslane, or Portulaca oleracea as it is known to botanists? It is a succulent plant whose edible, delicious leaves are crunchy and slightly mucilaginous, with a tangy lemony and peppery sabor.

It is generally harvested from early June till the end of summer, and can either be foraged or purchased, usually from a mercado de fazendeiros or through a CSA share. The wild variety, which is actually considered a erva daninha by many gardeners, is rampant and has pinkish stems (see picture above), while cultivated varieties tend to grow vertically and display greenish stems.

Purslane has been consumed since ancient times, and because it grows easily in hot and not too dry climates, it is represented in many cuisines of the world, from Greece to Mexico, and from Turkey to India by way of South Africa. (Here’s a handy list of its aliases in different languages.)

It is a bit of a nutritional powerhouse, offering remarkable amounts of minerals (most notably calcium, iron, magnesium, and potassium), omega-3 fatty acids, vitamins (A, B, C), and antioxydants. It is thought to be an important component of the Cretan high-life-expectancy diet, and Michael Pollan has called it one of the two most nutritious plants on the planet in his In Defense of Food manifesto (the other is lamb’s quarters if you want to hunt for that too).

Although the stems are edible when still young (and can be pickled), cooks usually keep only the folhas and thin, spindly stems at the top, which are simply plucked from the central stem. The process is slow-going, but rewarding in the end. Because purslane grows so close to the earth, and especially if it is foraged*, it should be rinsed very well, in several baths of fresh water (I usually do three), with a bit of vinegar.

And once you have your bowlful of squeaky clean and vibrant little leaves, what do you do with them? Purslane is mostly eaten raw, but can also be cooked for a change of pace. I’ve gathered 45 purslane recipes for you — and hope you’ll add your own favorites in the comments section!

* Some people report that they find it growing from sidewalk cracks or in city parks, but I wouldn’t recommend foraging it from there.

Best Pairings for Purslane Recipes

– Purslane + cucumber
– Purslane + tomato
– Purslane + avocado
– Purslane + nuts (esp. almonds and walnuts)
– Purslane + garlic
– Purslane + lemon
– Purslane + vinegar
– Purslane + marjoram
– Purslane + chili pepper
– Purslane + eggs
– Purslane + cream
– Purslane + fresh cheese (esp. feta)
– Purslane + hard cheese (esp. parmesan)
– Purslane + fish
– Purslane + shellfish
– Purslane + duck
– Purslane + lamb
– Purslane + legumes (esp. black beans, lentils, and chickpeas)
– Purslane + stone fruits (esp. peaches, nectarines, and plums)

Purslane in salads

– Purslane salad with óleo de gergelim, rice vinegar, gomasio, and strips of nori
– Purslane and salada de batata with capers or anchovies
– Purslane salad with chunks of pêssegos and fresh goat cheese, or with a peach dressing
– Fattouche salad with toasted chips of pita bread
– Purslane salad with a white dressing (i.e. a classic vinaigrette with cream or buttermilk in place of oil)
– Purslane salad with black barley and watermelon
– Purslane salad with diced red bell peppers, lemon juice, and olive oil (the vitamin C in the bell peppers and lemon juice helps with the iron absorbency)
– Purslane salad with grilled corn and a creamy avocado dressing
– Purslane salad with walnuts, crispy bacon, and finely diced red onion
– Purslane salad with quinoa, peas, and radishes
– Purslane salad with diced tomatoes and cucumbers in a pomegranate molasses curativo
– Purslane salad with fregola sarda or Israeli couscous
– Purslane salad with grão de bico and a zaatar dressing
– Purslane salad with walnuts, sumac, and “grated” tomatoes

Purslane with meat

– Serve as a side salad with duck magret
Stew with pork in a tomatillo sauce, Mexican-style (puerco con verdolagas)
– Stew with lamb and lentils

Purslane with fish

– Use purslane in a stuffing for baked fish
– Process purslane with a little cream or yogurt and make a green sauce to drizzle over fish
– Serve as a side salad with wild salmão, lobster, or crab

Purslane soups

Cooked purslane

– A Moroccan-style cooked salad
– Purslane spanakopita
– Purslane borek
Refogar briefly (2-5 min) in olive oil
Vapor briefly (2-5 min) and dress with olive oil and lemon juice
– Make tempura with the tender tops
– Add to dal

Purslane in beverages

– Make smoothies verdes (purslane will make them creamier) with blueberries, kiwis, peaches, or tropical fruit (it’s okay to freeze purslane for use in smoothies)
– Make a cucumber and purslane slushie
– Make chá with the leaves it is said to help ease headaches, bring down a fever, soothe sore throats, and combat inflammation.

Other purslane uses

– Pickled purslane
– Purslane vinegar
– Purslane pesto
– Purslane tzatziki (use purslane instead of, or in addition to the cucumber)
– Add to ovos mexidos and omelets
– Make green pancakes (recipe from my book!)
– Toss with pasta as in this pasta with tetragon
– Sprinkle over pizza just before serving
– Use as a garnish for Gaspacho, chilled zucchini soup, or asparagus soup
– Add to sandwiches for crunch it would be great in a lobster roll or an ABLT.
– Add to salsa and salsa verde
– And if you ever tire of it, feed it to your chickens! Their eggs will be richer in omega-3 fatty acids.


Purslane Recipes: 45 Things To Do With Fresh Purslane

Have you ever cooked with purslane, or Portulaca oleracea as it is known to botanists? It is a succulent plant whose edible, delicious leaves are crunchy and slightly mucilaginous, with a tangy lemony and peppery sabor.

It is generally harvested from early June till the end of summer, and can either be foraged or purchased, usually from a mercado de fazendeiros or through a CSA share. The wild variety, which is actually considered a erva daninha by many gardeners, is rampant and has pinkish stems (see picture above), while cultivated varieties tend to grow vertically and display greenish stems.

Purslane has been consumed since ancient times, and because it grows easily in hot and not too dry climates, it is represented in many cuisines of the world, from Greece to Mexico, and from Turkey to India by way of South Africa. (Here’s a handy list of its aliases in different languages.)

It is a bit of a nutritional powerhouse, offering remarkable amounts of minerals (most notably calcium, iron, magnesium, and potassium), omega-3 fatty acids, vitamins (A, B, C), and antioxydants. It is thought to be an important component of the Cretan high-life-expectancy diet, and Michael Pollan has called it one of the two most nutritious plants on the planet in his In Defense of Food manifesto (the other is lamb’s quarters if you want to hunt for that too).

Although the stems are edible when still young (and can be pickled), cooks usually keep only the folhas and thin, spindly stems at the top, which are simply plucked from the central stem. The process is slow-going, but rewarding in the end. Because purslane grows so close to the earth, and especially if it is foraged*, it should be rinsed very well, in several baths of fresh water (I usually do three), with a bit of vinegar.

And once you have your bowlful of squeaky clean and vibrant little leaves, what do you do with them? Purslane is mostly eaten raw, but can also be cooked for a change of pace. I’ve gathered 45 purslane recipes for you — and hope you’ll add your own favorites in the comments section!

* Some people report that they find it growing from sidewalk cracks or in city parks, but I wouldn’t recommend foraging it from there.

Best Pairings for Purslane Recipes

– Purslane + cucumber
– Purslane + tomato
– Purslane + avocado
– Purslane + nuts (esp. almonds and walnuts)
– Purslane + garlic
– Purslane + lemon
– Purslane + vinegar
– Purslane + marjoram
– Purslane + chili pepper
– Purslane + eggs
– Purslane + cream
– Purslane + fresh cheese (esp. feta)
– Purslane + hard cheese (esp. parmesan)
– Purslane + fish
– Purslane + shellfish
– Purslane + duck
– Purslane + lamb
– Purslane + legumes (esp. black beans, lentils, and chickpeas)
– Purslane + stone fruits (esp. peaches, nectarines, and plums)

Purslane in salads

– Purslane salad with óleo de gergelim, rice vinegar, gomasio, and strips of nori
– Purslane and salada de batata with capers or anchovies
– Purslane salad with chunks of pêssegos and fresh goat cheese, or with a peach dressing
– Fattouche salad with toasted chips of pita bread
– Purslane salad with a white dressing (i.e. a classic vinaigrette with cream or buttermilk in place of oil)
– Purslane salad with black barley and watermelon
– Purslane salad with diced red bell peppers, lemon juice, and olive oil (the vitamin C in the bell peppers and lemon juice helps with the iron absorbency)
– Purslane salad with grilled corn and a creamy avocado dressing
– Purslane salad with walnuts, crispy bacon, and finely diced red onion
– Purslane salad with quinoa, peas, and radishes
– Purslane salad with diced tomatoes and cucumbers in a pomegranate molasses curativo
– Purslane salad with fregola sarda or Israeli couscous
– Purslane salad with grão de bico and a zaatar dressing
– Purslane salad with walnuts, sumac, and “grated” tomatoes

Purslane with meat

– Serve as a side salad with duck magret
Stew with pork in a tomatillo sauce, Mexican-style (puerco con verdolagas)
– Stew with lamb and lentils

Purslane with fish

– Use purslane in a stuffing for baked fish
– Process purslane with a little cream or yogurt and make a green sauce to drizzle over fish
– Serve as a side salad with wild salmão, lobster, or crab

Purslane soups

Cooked purslane

– A Moroccan-style cooked salad
– Purslane spanakopita
– Purslane borek
Refogar briefly (2-5 min) in olive oil
Vapor briefly (2-5 min) and dress with olive oil and lemon juice
– Make tempura with the tender tops
– Add to dal

Purslane in beverages

– Make smoothies verdes (purslane will make them creamier) with blueberries, kiwis, peaches, or tropical fruit (it’s okay to freeze purslane for use in smoothies)
– Make a cucumber and purslane slushie
– Make chá with the leaves it is said to help ease headaches, bring down a fever, soothe sore throats, and combat inflammation.

Other purslane uses

– Pickled purslane
– Purslane vinegar
– Purslane pesto
– Purslane tzatziki (use purslane instead of, or in addition to the cucumber)
– Add to ovos mexidos and omelets
– Make green pancakes (recipe from my book!)
– Toss with pasta as in this pasta with tetragon
– Sprinkle over pizza just before serving
– Use as a garnish for Gaspacho, chilled zucchini soup, or asparagus soup
– Add to sandwiches for crunch it would be great in a lobster roll or an ABLT.
– Add to salsa and salsa verde
– And if you ever tire of it, feed it to your chickens! Their eggs will be richer in omega-3 fatty acids.